O XEQUE-MATE DE ROCKFELLER

      



Por Henrique Ribeiro
Francine era a última e atual mulher do Dom Juan mais famoso e galã
dos anos sessenta, o H. Beto
Rockfeller personagem da novela, Mulheres de Areia, grande sucesso da
antiga e extinta TV Tupi.
O Rockfeller atualmente um sessententão, vivendo na boa terra, expert
em mulheres, sabia muito
bem que uma mulher nova, ou seja, uma baiana trinta anos mais nova tem
seu preço, mas preferia
o seu, mais provável, estado de cornice do que perder a sua deusa.
A lindíssima Francine tinha um lindo Peugeot prata, mas seu sonho era uma
Ferrari vermelha que só existia 02 na Bahia. A ferrari da esposa de
Tuffir famoso cirurgião
plástico e a do Ferico Play-boy que estava em dificuldade com o grupo
musical Os Trepidantes e
suas mulheres.
Francine, além de Rockfeler, tinha um caso com o Tuffir. Enciumada e
com inveja, pediu a ele,
como prova de amor, uma Ferrari igual a da esposa.
O cirurgião informou que não tinha 1 milhão de dólares, mas poderia
pagar a metade, ela aceitou e
foi pedir a outra metade ao Rockfeller.
Francine muito inteligente, bolou um plano para o Rockfeller não
desconfiar. Combinou com
Ferico Play-boy a compra da Ferrari, sendo que ela ia pagar a metade a
ele, o Rockfeller ia pagar a
outra metade e receber o carro, mas Ferico Play-boy teria que dizer a
Rockfeller que o preço
Ferrari era apenas 500 mil dólares.
Para convencer Ferico Play-Boy , Francine fez, com ele, uma bela tarde
sexual em Itapuã de
deixar Vinicius de Morais com inveja.
O Rockfeller, achou o negócio 􀂳uma bolacha quebrada􀂴 recebeu a
Ferrari e deu a loira
estonteante, sua mais nova amante Zuleica, que por coincidência,
estava noiva do Ferico Playboy.
Ao chegar em casa Francine ficou sabendo que o Rockfeller não
conseguiu fazer o negócio.
Francine foi cobrar o seu dinheiro a Ferico Play-boy e descobriu que
Rockfeller tinha lhe
enganado e ouviu a maior gozação do Ferico Play Boy.
- Ele não só comprou, como pode ter dado o carro a amante... falou debochando.
Francine investigou e descobriu que Rockfeller tinha botado chifre
nela e em Ferico Play-Boy ao
comprar o carro e dar a Zuleica. Foi a vez dela tripudiar do Ferico Play-Boy.
Ligou e disse:
- Meu homem deu o carro a sua noiva... seu corno !!!!